noticias

Série do Justiceiro ganha data de estreia

A aguardada série do Justiceiro teve enfim sua data de estreia revelada pela Netflix em um novo trailer. A produção será lançada no dia 17 de novembro, disponibilizando a temporada completa de 13 episódios.

A data é marcada pela proximidade com o feriado de Ação de Graças norte-americano, e também coincide com a estreia da Liga da Justiça nos cinemas.

Depois de adaptar outros heróis urbanos da Marvel como Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro, e promover o encontro do grupo em Os Defensores, a Netflix se dedica a contar a história de Frank Castle, que precisa lidar com o trauma do assassinato de sua família enquanto tenta acabar com uma conspiração criminosa no submundo de Nova York.

A série do personagem criado por Gerry Conway e Ross Andru nos anos 1970 é estrelada pelo ator Jon Bernthal, e conta com Ebon Moss-Bachrach e Deborah Ann Woll no elenco.

 


Marvel promove embate entre a jovem Jean Grey e a Fênix

Junto com o retorno da Jean Grey adulta e a conclusão da minissérie Phoenix Ressurrection, a Marvel divulgou para janeiro um embate entre a antiga e a nova versão da personagem no título Jean Grey #11.

“Tudo estava se encaminhando para isso… jovem Jean Grey versus Fênix! Mas mesmo depois de todo o seu treinamento, essa pode ser uma batalha para a qual a jovem não está preparada. Agora, trancada em uma prisão com ex-anfritriões da Fênix, Jean deve usar tudo que aprendeu para destruir! Tudo isso e mais: o que aconteceu com aquela Jean Grey “fantasma”?! Estrelando Rachel Summers, Emma Frost, Quentin Quire, Cuckoos e Hope!”, traz a sinopse da edição assinada por Dennis Hopeless com arte de Victor Ibanez e Alberto Albuquerque.

Jean Grey #11 sai em janeiro nos Estados Unidos.


Lanterna Verde vai se ajoelhar perante Zod em janeiro?

Na edição #37 de Hal Jordan and The Green Lantern Corps, uma investigação liderada por Hal Jordan leva a Tropa dos Lanternas Verdes a um confronto direto com o kryptoniano General Zod, visto pela últimas vez recentemente nas páginas de Action Comics. A HQ, escrita por Robert Venditti e desenhada por Rafa Sandoval e Jordi Tarragona, tem previsão de lançamento para o dia 24 de janeiro de 2018. A revista traz a parte um do arco Power of Zod, que teve as seguintes capa e sinopse liberadas pela DC Comics:

Após uma recente batalha com Superman em Action Comics, o general Zod se recupera enquanto toma o controle de um mundo pequeno e subdesenvolvido. Quando Hal Jordan investiga, estabelece o caminho para um confronto entre o guerreiro de Krypton e os Lanternas mais corajosos e brilhantes da Tropa.


Trindade da DC Comics se une na busca por Themyscira

Em janeiro o escritor James Robinson, atual roteirista do título próprio da Mulher-Maravilha, assume a mensal Trinity, ao lado do desenhista Patch Zircher, para o arco No Home for you Here, centrado na busca da princesa amazona pelo seu lar.

A parte um No Home for you Here será publicada em Trinity #17, que tem previsão de lançamento para o dia 17 de janeiro. Na trama, Batman e Superman embarcam em uma missão para ajudar a Mulher-Maravilha a reencontrar Themyscira, mas encontrar a terra perdida de Diana é mais difícil do que estes três heróis esperavam. Durante a jornada, um chamado de socorro de um navio próximo acaba por ser mais do que parece, e a Trindade se encontra abandonada na terrível ilha de Skartaris. Para encontrar o caminho de volta para casa, nossos heróis terão que superar Deimos, que não vai medir esforços para isolar Skartaris do resto do mundo para sempre.


Revelados novos detalhes de Flash War

Flash War, arco que deve mostrar um conflito entre Barry Allen e o Wally West clássico para decidir quem é o melhor Flash, inicia em janeiro com um prelúdio a ser publicado em The Flash Annual #1. A edição, estrelada por Wally, leva o velocista de volta a Keystone City e promete trazer ao herói memórias de um mundo desconhecido.

 

Segue a sinopse liberada pela solicitação de The Flash Annual #1:

Prelúdio de Flash War! A maior história do Flash de 2018 inicia aqui, com uma história especial estrelando o Wally West clássico, que está em conflito em deixar Iris West saber que ele está vivo – e ele irá precisar da ajuda do Flash para se decidir sobre o que fazer! Mas quando Magenta, antigo amor de Wally, precisa da sua ajuda, o Flash retorna ao lar em Keystone City onde ele é confrontado com memória violentas de um mundo desconhecido… Um grande ponto de virada para a família Flash começa aqui para história de destruir Terras!

The Flash Annual #1 tem lançamento previsto para 31 de janeiro de 2018 e tem roteiros de Joshua Williamson e arte de Christian Duce.


Superwoman é cancelada pela DC Comics

As solicitações das edições de janeiro de 2018, reveladas pela DC Comics nesta segunda-feira, 16, revelam que a série mensal Superwoman chega ao seu final na edição #18. Este é o primeiro título cancelado na fase Renascimento da editora. A HQ tem previsão de lançamento para 18 de janeiro, com roteiro de K. Perkins e arte de Stephen Segovia e Art Thibert. A edição traz a conclusão do arco The Midnight Hour.

A Superwoman é Lana Lang e a origem de suas habilidades é nebulosa. Originalmente ela ganhou os poderes da versão Novos 52 do Superman, no momento da morte do herói. Lana e a versão Novos 52 de Lois Lane foram atingidas por rajadas de energia e se tornaram superpoderosas, pouco tempo depois Lois morreu e Lana se tornou a única Superwoman. No entanto, com as mudanças cronológicas ocorridas na saga Superman Reborn, que fundiu as versões pré e pós-Flashpoint do Homem de Aço e de Lois Lane, a origem da Superwoman mudou, o que tornou suas histórias confusas. Lana buscou respostas nas últimas edições do título, mas as explicações deixaram os fãs ainda mais confusos, pois os poderes foram atribuídos primeiro a uma exposição à Kryptonita Vermelha e depois foi dito que ela sempre teve poderes latentes.


DC traz de volta os Titãs do Amanhã com Conner, Bart e Cassie

Com a divulgação das solicitações de janeiro, a DC Comics revelou que em Superman #38 acontece o retorno dos Titãs do Amanhã, o Superman Conner Kent, a Mulher-Maravilha Cassie Sandsmark e o Flash Bart Allen. O Batman dessa linha temporal, encarnado por Tim Drake, traz os parceiros para lutar contra os Jovens Titãs do presente. A edição é o final do crossover Super Sons of Tomorrow, que acontece entre as revistas Superman, Super Sons e Teen Titans.

O crossover vem acontecendo nas revistas Superman #37, Super Sons #11 e Teen Titans #15, em dezembro, e termina em Superman #38 e #39. Super Sons #12 e Teen Titans #16, em janeiro, lidam com as consequências do final da história. Seguem os textos das solicitações das revistas de janeiro:

Superman #38 e #39:

Sem ter sobrado nenhuma escolham, o Batman do Futuro traz os Titãs do Amanhã para combater os Jovens Titãs do presente, enquanto a vida do filho do Superman está por um fio! Confira o retorno do futuro Superman Conner Kent, Mulher-Maravilha Cassie Sandsmark e Flash Bart Allen na batalha final desse crossover épico.

Super Sons #12:

Superboy e Robin tem que encarar as repercussões dos eventos de Super Sons of Tomorrow e como o fardo emocional vai afetar as relações entre ambos, seus pais e os Jovens Titãs. Enquanto isso, o passado espreita Damian Wayne – na forma de sua mãe, Talia Al Ghul!

Teen Titans #16:

No rescaldo de Super Sons of Tomorrow, os Jovens Titãs ficam sem um lugar para chamar de lar. Mas o trabalho de um Titã nunca termina, e uma série de estranhos assassinatos surgem em São Francisco. Fica a cargo do time resolver o caso e impedir mais derramamento de sangue. As mortes são trabalho de um único serial killer, ou há uma conspiração maior sendo bolada?

O Batman Tim Drake já vinha aparecendo na revista Detective Comics, na qual foi revelado que era ele o parceiro do Tim Drake do presente na prisão do Mr. Oz. Os Titãs do Futuro apareceram pela primeira vez durante a fase de Geoff Johns à frente da revista dos Jovens Titãs.


Pipoca & Nanquim anuncia graphic novel de Alan Moore

Confirmando o que já vinha sendo especulado, a editora Pipoca & Nanquim anunciou a publicação de Um Pequeno Assassinato, graphic novel de Alan Moore inédita no Brasil.

A obra publicada em 1991 venceu um prêmio Eisner e representa um dos primeiros trabalhos independentes do escritor após seu rompimento com a DC Comics e o meio mainstream no fim dos anos 1980.

Ilustrada pelo argentino Oscar Zárate, Um Pequeno Assassinato conta a história do bem sucedido publicitário Timothy Hole, que de repente começa a ser atormentado por uma criança demoníaca e passa a questionar não apenas quem ele é, mas como é capaz de afetar aqueles que o cercam. Um thriller psicológico sobre os “pequenos assassinatos” que todos temos que cometer no dia a dia, com as pequenas coisas. Quanto dano eles causam?

O próximo lançamento da editora Pipoca & Nanquim tem lançamento marcado para o dia 15 de novembro.


Anunciada nova HQ solo de Ravena por Marv Wolfman

A DC Comics anunciou uma nova maxissérie em 12 partes intitulada Raven: Daughter of Darkness, com lançamento para janeiro. O título dá continuidade às aventuras solos de Ravena pelas mãos de seu co-criador, o roteirista Marv Wolfman,  iniciadas na minissérie Raven, de 2016. Os desenhos ficam à cargo de Pop Mhan.

De acordo com a solicitação da edição #1, Ravena terá de enfrentar uma nova ameaça sobrenatural, dessa vez, uma muito ligada à realidade. Além disso, ela tem que lidar com o retorno de sua mãe, que entra em conflito com a tia de Rachel, Alice.

Outra criação de Wolfman que também dá as caras na HQ é o Barão Inverno, líder da organização Força Noite, cujos membros são escolhidos para lutar contra ameaças sobrenaturais. Ele aparece como um aliado de Ravena, mas não como alguém totalmente confiável.

Raven: Daughter of Darkness #1 tem roteiros e Marv Wolfman e desenhos de Pop Mhan e está programada para sair no dia 10 de janeiro de 2018.

 


Monstro do Pântano ganha história de Tom King e Jason Fabok

Depois de alguns teasers e muita especulação em torno do projeto, a DC Comics anunciou oficialmente Swamp Thing Winter Special #1, uma edição especial dedicada ao Monstro do Pântano que vai contar com uma história de Tom King e Jason Fabok. A elogiada dupla responsável pela minissérie The Button descreveu a trama como um conto de terror psicológico, não sobre esperança, mas sim sobre ansiedade. A obra mostra um Monstro do Pântano decadente e desorientado, lutando para proteger um garoto perdido em meio a um cenário congelado e perigoso, em uma angustiante história de sobrevivência.

O projeto é uma espécie de tributo a Len Wein e Bernie Wrightson, criadores do personagem falecidos recentemente. A edição também traz o último trabalho de Len Wein antes de morrer: o roteiro original de uma história do Monstro do Pântano com arte de Kelley Jones, originalmente concebida como o início de uma nova série do personagem.

Tanto a história desenvolvida pela dupla King e Fabok quanto a notícia de que Wein trabalhava em uma nova série do Monstro do Pântano aumentam as expectativas em relação às possíveis novidades da nova fase da Vertigo anunciada para agosto de 2018, marcando o aniversário de 25 anos do lendário selo adulto da DC.

Swamp Thing Winter Special #1 sai nos Estados Unidos em janeiro.

 

 


Redação Multiverso é o site colaborativo de produção de conteúdo sobre quadrinhos
da Produtora Multiverso, em uma iniciativa paralela e complementar à realização da
ComicCON RS – principal convenção de quadrinhos e cultura pop do Rio Grande do Sul.